[Resenha#33] Morfangnor, A era dos demônios

Boa Tarde, sei que fiquei um bom tempo sem trazer uma resenha nova para vocês, mas tudo foi por conta da minha nova rotima que esta deixando pouco tempo para eu ler, mas agora que já me acostumei com ela vou voltar a pelo menos trazer uma resenha por semana.

O livro desta semana foi o "Morfangnor, A era dos demônios" do nosso autor parceiro Juan Vargas Rossano, eu não leio muitos livros com tanta guerra em sua trama, mas tenho que admitir que foi essa estoria cheia de ação que me conquistou e me fez apaixonar pelo livro.

Morfangnor – A era dos demôniosTitulo: Morfangnor, A era dos demônios (Skoob)
Autor: Juan Vargas Rossano
Quantidade de Páginas: 552
Editora: Novo Século
Gênero: Literatura Nacional / Ficção
Sinopse: Após a morte de seu filho, o ferreiro Nikkon Shemmar se encontra à beira da loucura. Incapaz de tomar qualquer decisão acerca de seu futuro, subitamente se vê confrontado por uma brincadeira do destino. Seguir - ou não - os conselhos de um arcanjo, o qual se propõe a guiá-lo nos preceitos de uma antiga profecia. Em sua trajetória de treinamento físico e mental, o jovem ferreiro encontra um sentimento dentro de si, há muito esquecido e suplantado por seu desejo de vingança. O amor. Incerto sobre o que o futuro lhe trará, Nikkon segue seu caminho sem o apoio daqueles em quem confiava. Buscando encontrar sozinho seu derradeiro destino, se defronta com o demônio Möhrus, contudo é frente à iminente destruição que se dá conta que o único sentimento que o mantém vivo é também aquele que poderá levá-lo a destruir seu próprio mundo.

Bom vamos começar pela estória que foi muito bem construída, temos bem visível a luta entre o bem e o mal, o nosso protagonista Nikkon acaba por se envolvendo nesta batalha devido a uma profecia em que diz que um homem, ferreiro, que perde-se alguém importante seria o escolhido para matar o demônio Möhrus. Nikkon acabou perdendo o seu filho de uma maneira bem suspeita isso foi a ultima coisa que faltava para se enquadrar na profecia. No terrível dia em que seu filho é morto ele encontra o mago branco que o levará para o seu treinamento para a grande batalha em que será o único que poderá salvar o reino de Morfangnor.

"Você quer saber porque está aqui, pois bem, a sua vida até aqui tem relação com uma profecia conhecida por muitos, mas considerada real por poucos, na qual, o oráculo do Templo dos Imortais revelou que, um dia, um jovem que sofreria uma grande perda, por vingança, poderia destruir nosso mundo, porém se guiado pelo caminho certo, poderia pôr um fim ao reino de terror criado por Möhrus."

Antes que nosso herói estivesse apto para a grande batalha, ele teve que  treinar arduamente para sua grande batalha, sendo o seu mestre o velho herói Fohingus, mesmo não tendo muito tempo para treinar ele acaba se esforçando muito nos insanos treinamentos de Fohingus, antes de parti em direção a sua grande aventura.

O livro nos apresenta vários seres conhecidos por nos das grandes estórias mitológicas, como centauros, que são grandes guerreiros e talvez o maores do reino, dragões, onde temos o nosso enorme Therrongor, a montaria usada diversas vezes por nossos heróis que tem um bom humor, demônios, arcanjos e outros seres bem conhecidos também fazem parte dessa grande estoria. 

Isso foi uma das coisas que me encantou na estoria que foi a incorporações de seres mortais, imortais e mitológicos dando uma grande diversidade no livro. Outra coisa que me encantou no livros são as estrategias de batalhas muito bem desenvolvidas juntas com mapas e esquemas que nos ajudam a nos situar na lutas.

Como em todas as guerras ou livros de guerras temos aliados que se tornam inimigos e vice e versa, além de alguns acontecimentos que mudam totalmente o rumo da estoria. Temos também uma pequena pitada de romance no livro, mas nada que torne-se algo em primeiro plano na estoria, e que até poderia ser removido que não faria muita falta para mim.

" A gloria provém da luta e da coragem, mas o sacrifício nada mais é que o ultimo recurso de alguém desesperado."

A narrativa intercalada por vários narrados, nos da a visão de todos os pontos de vista da estoria sem nos deixar perdidos como acontecem em alguns livros que tem esse tipo de narrativa.

A diagramação do livro esta perfeita, como já comentei o livro nos traz mapas e esquemas que nos ajudam a entender os acontecimentos, alem de não ter nenhum erro ortográfico, ou pelo menos nenhum que eu conseguisse notar.

Todas essas coisas que citei junto me fizeram amar o livro, talvez tenha sido a ação que temos do começo ao fim ou até a maneira que o Juan Vargas Rossano escreveu deixando o livro leve de ser lido ou até mesmo a personalidade forte de todos os personagens, só sei que esse é um dos melhores livros nacionais que li neste tema.

Nota:
(Ótimo + Favorito)

16 comentários:

  1. Oie, tudo bom?
    Não é o tipo de livro que eu goste de ler, mas deve ser uma boa leitura para quem curte o gênero. Gosto de narração intercalada porque dá uma visão melhor da história.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sim uma ótima leitura, agora to gostando mais desse tipo de narração, mas depende muito do autor saber deixa ela de uma forma que não faça o leitor se perde...

      Excluir
  2. Aah, já estava querendo ler esse livro, agora então estou mais animada ainda *-*
    Amei a resenha - livro subiu de lugar na minha listinha <3

    inspiration-tatis.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho certeza que você vai amar se lê-lo *---*

      Excluir
  3. Esse livro parece ser realmente muito bom mas sabe ele não faz o meu gênero, pode ser um bom livro tanto pela escrita quanto pela história desenvolvida mas sabe eu sou mais pra romance kk Quem sabe eu leia...
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É quem sabe um dia você não o leia e goste tanto quanto eu gostei *--*

      Excluir
  4. Não conhecia este livro rsrs ele é bem grossinho em .. Não sei dizer se vou ler ,a capa é um pouco bonita , mas não me atrai .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é linda mesmo *---* Os mais grossinhos são os que normalmente tem a leitura mais fluida, quem sabe um dia você não deu uma chance para ele e ame a estoria quanto eu amei...

      Excluir
  5. "...se dá conta que o único sentimento que o mantém vivo é também aquele que poderá levá-lo a destruir seu próprio mundo...." E ai,. começou meu desejo de ler este livro e.e
    Bem construída? Opa, mais um motivo para eu ler este livro.
    Me interessei pelo livro sem mesmo lê-lo (tão eu), tipo, personagens mitológicos, demônios, lutas entre o 'bem e o mal', batalhas bem elaboradas... ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você for igual eu e amar quando as guerras são bem feitas e os seres mitológicos bem colocados na estoria esse livro é para vocês e não vai se arrepender de lê-lo *---*

      Excluir
  6. Nossa fiquei muito tempo afastada daqui '-' Cara eu amo histórias assim, principalmente porque tem um mago no meio e magos me lembra senhor do anéis e senhor dos anéis me lembra ótimas histórias, e anjos e demônios se enfrentar deixa as coisas melhores, eu sei que para uns esse tipo de história pára besta, mas eu amo e com certeza eu pretendo compra-lo.

    http://regrasquebradas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é para besta não Ç.Ç Eu também amo esse tipo de estoria, e esse livros e cheio de ação e com guerras bem montadas então vai mar lê-lo *--*

      Excluir
  7. Oi Jéssica :)
    Não conhecia esse livro, mas confesso que depois de ler sua resenha fiquei mega empolgada pra ler ele!! Amo livros desse gênero e cheios de ação. E já adicionei ele à minha listinha <333 Muito obrigada pela dica!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livrinho novo e pouco conhecido, se gosta mesmo desse gênero tenho certeza que quando lê-lo ele vai entrar para sua lista de favoritos *---*

      Excluir
  8. Gosto muito de livros com guerra e este parece ter muita ação, fiquei interessada. Gostei de saber que o livro traz muitos seres mitológicos, fiquei curiosa e achei o enredo bem chamativo. Adoro livros com narrativa divida em mais de um personagem, sempre nos permite ter uma visão maior da estória, é um ponto muito positivo! Parece ser mesmo uma ótima leitura! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem bastante mesmo, esse detalhe da narrativa nos tira da monotonia e deixa o livro ainda melhor mesmo. Como eu comentei foi uma das minha melhores leituras do gênero, quem sabe se algum dia você lê-lo também não vai ama-lo *--*

      Excluir

Regras para os Comentários:

- Seja educado e não use palavras de baixo calão;
- Comentários hostis e racistas serão excluídos;
- Deixe o link do seu blog, pois retribuo todos os comentários;